Veneza, uma das Paixões da Itália

Veneza é uma cidade que encanta a todo tipo de turista, de crianças a idosos, jovens e casais apaixonados, ou não.

Esta é a nossa terceira vez em Veneza, e amamos simplesmente caminhar pela cidade apreciando a vista dos canais, se perdendo pelas ruas, entre as lojas e os cafés.

No fim do dia, sempre ficamos na Piazzeta, ouvindo musica e tomando vinho ou um Spritz Aperol (o drink oficial do happy-hour do verão italiano).

Ainda lembro com emoção, minha primeira vez aqui… estavámos sentados num banco do Palazzo Ducale ouvindo os musicos tocarem no café em frente e então começaram a tocar o tema de amor do filme “A Lenda do Pianista do Mar” (The Legend of 1900) e eu simplesmente comecei a chorar! Amo esta musica, sempre me emociono quando ouço. E ouvir ali, em Veneza, com meu marido, na nossa viagem de 40 anos, foi muito, muito especial e inesperado! 

O que fazer em Veneza?

A melhor coisa a fazer em Veneza, na nossa opinião, é se perder pelas ruelas, pontes e escadas, deixando-se envolver pelo clima romântico dos cafés debruçados nas margens dos canais, bebericando um Spritz aqui e acolá. Andar a pé na ilha é a melhor forma de descobrir tudo. Se tiver grana $$$ sobrando, pode alugar uma lancha ou tomar um táxi, que por aqui, também é um barco.

Fazer a caminhada pelo Rialto e visitar a Piazza San Marco é obrigatório!

Mas, se você insiste em visitar os pontos turísticos principais, dá uma olhadinha na lista abaixo:

Basilica de San Marco

A Basílica di San Marco é a igreja mais conhecida de Veneza e fica na Piazza San Marco. Foi construída no século 9 para guardar o corpo de San Marco. A impressionante decoração foi feita com ornamentos bizantinos trazidos para a cidade após a queda de Constantinopla (hoje, conhecida por Istambul). Visite também o Pala D’oro, um grande altar de ouro do século XII e os relicários do Tesoro della Basilica.

Piazza San Marco

A Piazza San Marco é o meu lugar preferido em Veneza, em especial a Piazzeta. A praça tem um amplo espaço aberto e rodeada por cafés e restaurantes. Durante o verão, os músicos tocam nos cafés (que ficam lotados) e é possivel passar horas e horas, relaxando e vendo o movimento. Visite a Torre dell’Orologio e o Campanário.

Palazzo Ducale

O Palazzo Ducale impressiona pelo tamanho e a arquitetura diferenciada. Não perca, a Sala del Collegio, na minha opinião, a sala mais bonita. A Ponte dos Suspiros liga o palácio até a antiga prisão, diz a lenda que os prisioneiros condenados a morte, ao passar pela Ponte dei Sospiri, suspiravam ao pensar que aquela seria a última vez que veriam a luz do dia, portanto a famosa ponte que inspira os apaixonados, não é tão romântica assim… 

Passear nas Gôndolas

O tour de gôndola é aquele tipo de tour que todo turista pensa que “tem que fazer”, embora confesso, já estive 3 vezes em Veneza e não fiz. Preferi, pagar o ticket giornalero do Vaporetto e visitar Murano e Burano, e passear por toda a ilha, fazendo tipo um hop on hop off. Mas se quiser mesmo, na gôndola cabem até 6 pessoas e o preço do passeio é 80 euros.

Rialto

Visite o mercado de alimentos e peixes no Rialto e tambem a Ponte Rialto cheia de lojinhas de tudo quanto é tipo! Souvenirs, máscaras venezianas, joias, etc.

Outros pontos de interesse:

Museu Peggy Guggenheim
Livraria Acqua Alta
As Ilhas de Murano e Burano
O Carnaval de Veneza

Please follow and like us:
error

Post Author: andrebati

2 thoughts on “Veneza, uma das Paixões da Itália

    Sidnei de Jesus

    (July 7, 2019 - 11:31 am)

    Muito legal, adorei as matérias, super bem escritas pela Andréia, e os lugares são lindos de tirar o fôlego. Vim por causa do canal Grito de Liberdade do Brasil para o mundo do YouTube.

      andrebati

      (July 10, 2019 - 11:31 am)

      Ola Sidnei!
      Obrigada por nos visitar! espero que volte mais vezes e continue curtindo nossas historias!
      Abracos,
      Andreia Batista

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *