Visitando Ímola, o Autódromo onde Ayrton Senna morreu

As vezes, a estrada nos leva por caminhos inesperados. Estávamos dirigindo de Bolonha até Rimini para passar um dia na praia e de repente no meio do caminho, estava Ímola.

Brasileira que sou e muito fã de Fórmula Um na época boa e saudosa do Ayrton Senna, me lembrei que foi nesta cidade que ele faleceu em 01 de Maio de 1994, há 25 anos atrás, tornando esta data um dia muito, muito triste para mim e milhares de fãs espalhados pelo Brasil.

Credito foto: Visitareimola.it

Decidimos aproveitar a oportunidade que estava a nossa frente e visitar o Autódromo onde se realizava o GP de San Marino. (Imola é na Italia, mas para a etapa da formula 1 se chamava GP de San Marino e havia – ou há – a etapa de Monza que era considerado o GP Italia).

Para nossa sorte, entramos pelo estacionamento das equipes num dia de corrida/treino e pudemos sentir todo aquele clima de Padock, com direito a caminhões enormes das escuderias, correria para troca de pneus, ultimos ajustes nos carros, o piloto saindo a toda para entrar na pista e também um pouco do todo o glamour nas tendas gigantes preparadas com requinte para servir almoço aos componentes das equipes, que não eram fracas não: Ferrari, Porsche, Lamborghini…

Mas a emoção estava só começando… ver a pista com os carros passando zunindo, o som dos motores roncando, a correria nos boxes… foi fantástico e indescritivel… e me fez ter ainda mais saudade dele, o Ayrton Senna do Brasil! Neste dia pude estar um pouquinho perto do mundo onde ele vivia e prestar minha homenagem, infelizmente, aqui, onde ele partiu.

Please follow and like us:
error

Post Author: andrebati

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *